CONTRIBUIÇÃO DA GEOFÍSICA PARA A HIDROGEOLOGIA DA APA GUARIROBA, MUNICÍPIO DE CAMPO GRANDE-MS.

GIANCARLO LASTORIA, GUILHERME HENRIQUE CAVAZZANA, ANDRESA OLIVA, SANDRA GARCIA GABAS, CHANG HUNG KIANG

Resumo


A bacia hidrográfica do córrego Guariroba, com 360 km², é o manancial responsável por cerca de 40% do suprimento de água para Campo Grande. No âmbito da Pós Graduação em Tecnologias Ambientais da UFMS, foram desenvolvidos estudos nesta unidade, destacando-se Casadei (2017) e Cavazzana (2018). O Sistema Aquífero Bauru (SAB) ocorre em mais de 90% da área e o modelo hidrogeológico conceitual deste Aquífero aponta para a contribuição do manancial subterrâneo na manutenção do nível de base da drenagem. No geral, a ocupação da bacia ainda é pequena, destacando-se a atividade pecuária, com incremento na silvicultura de eucalipto. A importância do SAB para o suprimento de água dos usuários, bem como na manutenção da vazão do córrego Guariroba, justifica um maior detalhamento deste Aquífero sedimentar. Dos 15 poços tubulares monitorados, apenas um possui dados cadastrais completos. Assim, por meio de parceria com o LEBAC/UNESP-Rio Claro, foi feito um levantamento de eletrorresistividade, objetivando definir a espessura do pacote Caiuá e a profundidade do nível estático. Executou-se 6 Imageamentos Elétricos 2D (IE2D), utilizando-se 84 eletrodos com espaçamento de 10 m e um comprimento total de cabos de 880 m, alem de 8 Sondagens Elétricas Verticais (SEV), nas quais os espaçamentos adotados pelo arranjo Schlumberger permitiram investigar até uma profundidade de 300 m , abrangendo toda a área da bacia hidrográfica e respeitando os limites operacionais da técnica. A partir dos resultados das IE2Ds e das SEVs, foi possível interpretar, preliminarmente, que a espessura da camada sedimentar (Grupo Caiuá) variou, nos pontos investigados, de 64,5 m a 180 m e o nível d’água apresentou valores de 5 m a 62 m de profundidade. Com estas informações têm-se elementos para avaliar a reserva do SAB na área de estudo.


Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


 
_____________________________________________________________________

ÁGUAS SUBTERRÂNEAS, São Paulo, Brasil
e-ISSN 2179-9784 (eletrônico)

É de LIVRE acesso a todos os interessados, gratuitamente.

 

A revista Águas Subterrâneas é uma publicação da Associação Brasileira de Águas Subterrâneas - ABAS - para divulgação de artigos científicos (originais e inéditos) sobre Hidrogeologia e outros temas pertinentes.

Os artigos aceitos e finalizados são publicados de forma contínua  organizados sob a numeração de um Volume anual subdividido em vários Números com até 10 artigos cada um.
 
A Revista Águas Subterrâneas é um periódico com classificação QUALIS Nacional e Internacional.
 
A Revista Águas Subterrâneas não cobra dos autores quaisquer taxas para submissão ou publicação.

DISCLAIMER: Os Suplementos de Anais (congressos e encontros técnicos) aqui presentes são publicados na Revista Águas Subterrâneas exclusivamente por um ato de gentileza dos editores. De forma semelhante, os Estudos de Caso e Notas Técnicas são publicados com a intenção de prover um espaço para divulgação de dados e estudos de interesse local, sem obrigação de ter uma contribuiçao científica. Seus artigos NÃO PODEM e NÃO DEVEM ser considerados como publicações deste periódico. NÃO foram submetidos a revisão pelos avaliadores da revista. NÃO são contemplados na avaliação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). O objetivo é tão somente o de ampliar a divulgação destes anais, estudos de caso e notas técnicas. Além disso, nestes documentos não é necessária e não será apresentada a numeração sequencial de páginas, como é feito para os artigos científicos. Os anais de eventos devem ser citados como tal, sem referência a este periódico. A Revista Águas Subterrâneas não se responsabiliza pelo conteúdo publicado nessas seções. 

Todos aqueles que se cadastram na Revista Águas Subterrâneas tornam-se filiados da ABAS gratuitamente, podendo usufruir de descontos em eventos e material técnico. Por extensão, tornam-se também associados do Capítulo Brasileiro da Associação Internacional de Hidrogeólogos*, podendo também usufruir de descontos em eventos internacionais da IAH e outras ofertas. O acesso à revista é livre e independente do cadastramento

*Clique aqui para saber maiores detalhes e limitações dos filiados.

Métricas

       

A Revista Águas Subterrâneas é filiada às seguintes Bases de Dados/Portais: 




 
Licença Creative Commons

Revista Águas Subterrâneas está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.