Análise da potabilidade das águas dos poços rasos escavados da comunidade do Taim em São Luís – Maranhão

Wallace Ribeiro Nunes Neto, Dagolberto Calazans Araujo Pereira, Jessflan Rafael Nascimento Santos, Andrea Souza Monteiro, Paulo Cesar Mendes Villis, Victor Elias Mouchrek Fillho

Resumo


Qualidade de vida e a busca do bem-estar unificado com a saúde do ser humano, vem sendo um tema em destaque, tendo a água como um dos indicadores cruciais para tal objetivo. Doenças de veiculação hídrica ainda é um desafio para o Ministério da Saúde, onde o meio rural é uma região vulnerável e propicia para o aparecimento das mesmas. Desta forma, é de suma importância as análises de potabilidade para o monitoramento, que proporciona avaliar a qualidade e riscos, da saúde de uma população. O objetivo deste trabalho foi avaliar a potabilidade da água da comunidade do Taim no ano de 2013 a 2014, envolvendo padrões físico-químicos e microbiológicos através do método: Standand Methods for the Examination of Water & Wastewater, 21ª ed., 2005 do Ministério da Saúde onde os resultados foram comparados com parâmetros (Portaria MS Nº 2.914/2011). Alguns padrões físico-químicos apresentaram variação de acordo com a época a média da dureza da agua variou de 3,30 a 13,66 mg/L, bem como a alcalinidade, cujos valores variaram de 4,46 a 19,55 mg/L. O pH se encontrava entre as faixas de 5,17 a 5,66 mg/L., fora dos padrões estabelecidos para agua potável. Em adição, observou-se que as amostras apresentavam valores de Escherichia coli fora do estabelecido pela legislação (Portaria Nº 2914), Estas analises indicaram de uma maneira geral que a agua dos poços avaliados seria impropria para o consumo humano.

Palavras-chave


Saúde Pública. Água. Saneamento.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.14295/ras.v31i3.28869

_____________________________________________________________________

A revista Águas Subterrâneas é uma publicação da Associação Brasileira de Águas Subterrâneas - ABAS - para divulgação de artigos científicos sobre Hidrogeologia e outros temas pertinentes.

A Revista Águas Subterrâneas é um periódico com classificação QUALIS Nacional e Internacional.

É de LIVRE acesso a todos os interessados, gratuitamente.
 
ÁGUAS SUBTERRÂNEAS, São Paulo, Brasil
eISSN 2179-9784 (eletrônico)
ISSN 0101-7004 (impresso)

Filiada:

Licença Creative Commons
Revista Águas Subterrâneas está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.


Todos aqueles que se cadastram na Revista Águas Subterrâneas tornam-se filiados da ABAS gratuitamente, podendo usufruir de descontos em eventos e material técnico. Por extensão, tornam-se também associados do Capítulo Brasileiro da Associação Internacional de Hidrogeólogos*, podendo também usufruir de descontos em eventos internacionais da IAH e outras ofertas. O acesso à revista é livre e independente do cadastramento

*Clique aqui para saber maiores detalhes e limitações dos filiados.